Plan International Brasil 11 4420.8084

CONHEÇA O LA LEAGUE

Reading Time: 3 minutes

CONHEÇA O LA LEAGUE

Meninas e mulheres jovens nos países em desenvolvimento muitas vezes enfrentam dois obstáculos graves enquanto crescem: o casamento infantil – união formal ou informal de meninos e meninas menores de 18 anos – e a gravidez na adolescência. Pesquisas informam que o Brasil ocupa o quarto lugar no ranking dos países onde mais existe casamento infantil e a cada ano, cerca de 16 milhões de meninas com menos de 19 anos dão à luz.

Mais de 700 milhões de mulheres vivendo no mundo de hoje se casaram antes de completarem 18 anos, e todos os anos cerca de 16 milhões de meninas com menos de 19 anos de idade dão à luz. Tornar-se esposa e mãe tão cedo tem consequências graves.

O casamento infantil e a gravidez precoce podem levar ao abandono escolar e ao aumento do risco de exploração, violência sexual e doméstica, abuso e morte durante o parto. Estas consequências não apenas colocam em risco as vidas das meninas, mas também prejudicam o seu desenvolvimento, além de ter um impacto negativo em suas famílias, comunidades e no desenvolvimento geral do país.

O Brasil é o 4º país do mundo com números absolutos de meninas casadas ou coabitando com alguém. As taxas de gravidez na adolescência no Brasil ainda são altas, representando 18,1% do total de bebês nascidos vivos em 2015. Mais de 26.000 meninas entre 10 e 14 anos deram à luz naquele ano. Nesse último caso, as gravidezes podem ser resultado da violência sexual contra meninas, que é causada principalmente por familiares e pessoas conhecidas.

A raiz desses problemas é a desigualdade das relações de poder entre homens e mulheres e entre meninos e meninas. É por isso que o Projeto La League está empenhado em mudar esse jogo.

Como resposta a esta realidade complexa, a Plan juntamente com a Women Win e a Fundação Johan Cruyff desenvolveram um programa-piloto chamado “La League – Colocando a gravidez na adolescência e os casamentos infantis fora de jogo”.

O futebol é o coração do La League. Esse esporte empodera meninas em todo o mundo – e meninas empoderadas e informadas podem evitar o casamento infantil e a gravidez na adolescência, especialmente quando são apoiadas por seus pais ou outros homens cuidadores, pelos meninos e por toda a comunidade.

O PROJETO COMBINA O MELHOR DE TRÊS METODOLOGIAS EXISTENTES

 

Campeãs e Campeões da Mudança, da Plan International, um currículo que apoia o empoderamento das meninas e jovens mulheres e promove o engajamento dos meninos e jovens homens para a mudança nas normas de gênero;
Heroes of the Cruyff Court, da Fundação Johan Cruyff, envolve meninas, pais, homens cuidadores, meninos e outras pessoas da comunidade em eventos e torneios inclusivos para todas as idades;
Caminho para o Empoderamento Econômico e de Liderança, da Women Win, meninas e jovens mulheres desenvolvem habilidades para a vida e de liderança, o que permite que elas planejem seu futuro: continuar seus estudos, candidatar-se a um emprego ou empreender seu próprio negócio.
Alcance do projeto:

  • 350 meninas e 175 meninos entre 12 a 18 anos;
    175 pais ou homens cuidadores;
    50 meninas e jovens mulheres participando do programa de empoderamento econômico e de liderança;
    1 quadra Cruyff construída;
    9 comunidades localizadas nos municípios de Timbiras e Codó, no estado do Maranhão.
Compartilhar com o universo
X