Pular para o conteúdo principal

Aprender

Todas as meninas têm direito a uma educação formal, segura e de qualidade, ao acesso à aprendizagem ao longo da vida e à oportunidade de desenvolver as competências de que necessitam para obter bons empregos.

Em países de baixa e média renda, há cerca de 100 milhões de meninas que não conseguem ler uma única frase. No entanto, você sabia que, para cada ano de educação que uma menina completa, sua renda futura aumentaria em mais de 10%? 

APRENDIZAGEM AO LONGO DA VIDA

Apesar dos progressos para que cada vez mais meninas frequentem a escola e tenham acesso a uma educação de qualidade, uma em cada cinco adolescentes em todo o mundo está fora da escola, e os estereótipos de gênero são alguns dos obstáculos que impedem as meninas de obterem uma educação e competências de aprendizagem. Por exemplo, as meninas têm menos tempo para dedicar aos estudos pelo fato de que, em boa parte dos lares, a elas é incubida a responsabilidade de ajudar nas tarefas domésticas, muitas vezes arrumando a bagunça que seus irmãos fazem e não arrumam. 

Mesmo quando as meninas adolescentes permanecem na escola, sua educação muitas vezes falha em equipá-las com o conhecimento de que necessitam. As habilidades para a vida e a educação sexual, por exemplo, são muitas vezes ausentes do currículo. No entanto, essas áreas são fundamentais para fornecer às meninas o conhecimento de que precisam para tomar decisões informadas sobre suas vidas e encontrar bons empregos à medida que se tornam adultos.

O PODER DA EDUCAÇÃO

A educação é transformadora para as meninas. Além de ser uma chave para desbloquear potenciais, a educação permite que as meninas estejam menos propensas a situações abusivas, como casamentos precoces, por terem mais oportunidades profissionais que garantam a sua independência financeira. Elas também poderão ter uma vida mais saudável por terem mais conhecimentos sobre saúde, além de terem mais chances de aprender novas habilidades, obter melhores empregos e investir sua renda na educação de seus filhos escola. Assim, uma menina educada será uma força de mudança em sua sociedade, elevando o status de meninas e mulheres.

Temos o objetivo de que todas as meninas tenham acesso a uma educação de qualidade, à aprendizagem ao longo da vida e à igualdade de oportunidades económicas até 2030. Essas são algumas das metas estabelecidas nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030, e estamos empenhados em alcançar este objectivo, trabalhando para garantir o acesso livre e de igual a qualidade a uma educação segura, incluindo em situações de emergência.

Defendemos, a nível global e nacional, que não haja discriminação em relação às meninas quanto ao direito à educação. Também estamos trabalhando ao lado de parceiros para desenvolver um relatório que rastreará a implementação dos objetivos globais e exigirá que os governos respondam às promessas que fizeram.