Pular para o conteúdo principal

Fechando o ano com chave de ouro para as meninas do Brasil!

16 Janeiro 2017
O mês de dezembro de 2016 foi especial para Plan International Brasil! Tivemos uma serie de acontecimentos que marcaram um momento histórico para a realização dos direitos das meninas no Brasil.

Veja nossas conquistas !

• O CONANDA (Conselho Nacional para os Direitos das Crianças e Adolescentes) anunciou oficialmente a aprovação da Resolução 180 de 2016, desenvolvida e apresentada pela Plan International Brasil, que dispõe sobre a igualdade de direitos entre meninas e meninos nas políticas públicas de atenção, proteção e defesa de crianças e adolescentes em nível nacional. Esta Resolução é um passo formal de politicas públicas importantíssimo para assegurar e fortalecer iniciativas para igualdade de gênero em todo o Brasil.

• O Governo Federal anunciou, através da Secretaria Nacional para os Direitos de Crianças e Adolescentes, a criação de uma Área de Empoderamento das Meninas dentro da estrutura da Secretária. É a primeira vez que o Brasil se dota de uma estrutura federal especifica para promover os direitos das meninas e é evidente a contribuição da Plan International Brasil com todas as suas iniciativas para que isso se tornasse realidade no país.

• Em Brasília, lançamos, junto com a UNICEF e Instituto Indica, a publicação “Empoderamento de Meninas: como iniciativas brasileiras estão ajudando a garantir a igualdade de gênero”, que apresenta uma série de iniciativas de empoderamento de meninas em todo território nacional, com a clara liderança da Plan International Brasil na temática.

• Para finalizar, foi lançada a Rede de Promoção dos Direitos das Meninas e Igualdade de Gênero, iniciativa liderada pela Plan International Brasil, que busca promover o direito das meninas e monitorar o cumprimento do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 5 (Promover a Igualdade de Gênero e os Direitos das Mulheres e Meninas). Inicialmente, a Rede está composta por 14 organizações que assinaram a Carta de Princípios e já conta com um planejamento de ações para os próximos dois anos. 

Queremos manifestar nosso orgulho e contentamento ao perceber que nossos esforços de incidência, que tem sempre protagonizado a voz e a participação diretas das meninas,  têm dado frutos concretos para a realização cada vez mais plena dos direitos das meninas no Brasil